ataque(s) perverso(s)

“Um governo não deve mobilizar um exército motivado pela raiva, os líderes militares não devem provocar a guerra movidos pela cólera. Antes, deves agir se for benéfico; caso contrário, deves desistir. A raiva pode se transformar em alegria, a cólera pode se tornar prazer, mas uma nação destruída não pode ser restaurada para a existência, e os mortos não podem ser devolvidos à vida.” A Arte da Guerra, Sun Tzu séc. IV a.c.

gaza_ataques_israel_dez_2008_01

gaza_ataques_israel_dez_2008_02

Mideast Israel Palestinians Gaza

gaza_ataques_israel_dez_2008

imagens aqui

Este ataque desproporcional de Israel aos ataques com rockets do Hamas parece ter como objectivo criar um novo status quo mais favorável a Israel antes da entrada da nova administração americana de Obama; através do enfraquecimento das forças do Hamas e/ou conquista de mais território por via de uma invasão terrestre da faixa de Gaza. São os falcões da guerra a mostrar os dentes perante a promessa de alçançar a paz.
link

Anúncios

Os comentários estão fechados.